Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
  • Dúvidas frequentes
  • 1. Dúvidas Frequentes sobre Saúde

    CENTRO DE PERÍCIAS MÉDICAS (MPGu):

     

    1- Posso realizar o agendamento da perícia no Centro de Perícias Médicas (MPGu) pelo telefone ou pela internet?

    Não, o agendamento é somente presencial, sendo necessário que haja apresentação da ordem de inspeção mediante DIEx ou Ofício e documento de identidade militar, se militar.

     

    2 - Sou militar da ativa, estou baixado e com agendamento de perícia pelo Médico Perito de Guarnição. Posso ir com a roupa civil?

    Não. Os militares da ativa devem comparecer para sua perícia ou mesmo agendamento fardados.

     

    3 - Tenho ordem de inspeção no MPGu, mas meus exames não ficaram prontos. O que devo fazer?

    Para o Médico Perito de Guarnição emitir seu parecer em Ata de Inspeção de Saúde é essencial que toda documentação nosológica (atestados, laudos, relatórios médicos, outras) esteja disponível (original e cópia). Assim, o agendamento deve ser feito apenas para uma data em que toda documentação esteja disponível. Uma vez agendada perícia, caso haja algum problema para apresentação dos citados documentos, solicita-se comparecer ao Centro de Perícias Médicas para reagendar sua inspeção, sob pena de não validação do ato pericial.

     

  • 2. Dúvidas Frequentes sobre Capelania e Apoio Funeral

    1. O que é o Serviço de Assistência Religiosa do Exército?

    O Serviço de Assistência Religiosa do Exército (SAREx) tem por finalidade prestar assistência religiosa e espiritual aos militares e aos civis em serviço nas Organizações Militares e às respectivas famílias, bem como atender a encargos relacionados com as atividades de educação moral realizadas no Exército.

     

    2. Quando Surgiu esse serviço?

    Oficialmente, a assistência religiosa às Forças Armadas foi criada, no Império, pelo Decreto nº 747, de 24 de dezembro de 1850.
    Com o advento da República, o Corpo Eclesiástico do Exército, criado por D. Pedro II, foi extinto.
    Seu restabelecimento ocorreu por ocasião da 2ª Guerra Mundial, com o Decreto Lei nº 5.573, de 26 maio de 1944.

     

    3. Quantos Capelães há na 11ª Região Militar?

    Atualmente 02(dois), 1(um) Padre Católico e 1(um) Pastor Evangélico, conta ainda com uma rede de apoio de militares da reserva que são do segmento espírita.

     

    4. Quem é o Patrono do serviço de assistência religiosa do exército?

    Antônio Álvares da Silva, o Frei Orlando foi um religioso e militar brasileiro, tendo servido como capitão capelão do Exército Brasileiro, falecido na Segunda Guerra Mundial, aos 32 anos, nascido em 13 de fevereiro de 1913, hoje a data do seu aniversário é lembrada por ser também o dia do Serviço de Assistência Religiosa do Exército.

     

    5. Como posso solicitar uma confissão ou aconselhamento com o capelão?

    No ramal (61) 2035-2370 é possível verificar a disponibilidade de horários e marcar o melhor horário e local.

     

  • 3. Dúvidas Frequentes sobre Identidade Militar

    1- Qual a idade mínima para emissão do Cartão Militar de Identificação?

    A idade mínima para concessão de documento de identificação para dependente de militar ou de pensionista de militar é de 3 (três) anos completos.

     

    2- Quais são os documentos necessários para obtenção da Carteira de Identidade de Militar e Cartão Militar de Identificação?

    Conforme o caso, são os previstos na relação de documentos necessários.

     

    {loadspiderfaq standcategory=0 categories=3 theme=1 show_searchform=1 expanded=1}

     

    {loadspiderfaq standcategory=1 categories=41 theme=1 show_searchform=1 expanded=1 }

     

     

     

Fim do conteúdo da página

Copyright © 2022 - Exército Brasileiro - Comando da 11ª Região Militar
AVENIDA DO EXÉRCITO, S/Nº, SETOR MILITAR URBANO (SMU)
Brasília/DF | CEP 70.630-903
Desenvolvido com Joomla por: Ten Henrique Macedo - STI/11RM